TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Polícia Regionais

Violência: Mãe é baleada após ver filho sendo morto por criminosos no distrito de Itabatã

No início da tarde desta terça-feira, dia 02 de agosto, populares acionaram a Central do CICOM/190, informando por disparos de arma de fogo, e duas pessoas baleadas, sendo mãe e filho, no bairro Triângulo Leal no distrito de Itabatã/Mucuri. As informações dão conta que o fato aconteceu na Rua Tapajós, por volta das 12h30 minutos, quando criminosos chegaram e atiraram por várias vezes na vítimas, Jocélio Manoel Conceição, 26 anos, e em sua mãe, a senhora Armelina Margarida Conceição, 56 anos, foi atingida com um dos disparos na região do abdômen, que segundo informações ainda, ela teria entrado na frente do filho no momento dos disparos.

Uma guarnição foi deslocada para o local, juntamente com uma equipe do SAMU, que ao chegarem, ambas as vítimas estavam com vida, sendo socorridas para unidade hospitalar da referida comunidade, onde o Jocélio foi a óbito assim que deu entrada, pois o estado dele era muito grave. Já a sua mãe, recebeu os primeiros socorros e foi transferida para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas – HMTF, onde deverá passar por cirurgia, segundo a nossa reportagem apurou, o quadro clínico dela é estável.

A Lei do silêncio prevalece na referida comunidade, “Ninguém viu nada, Ninguém sabe de nada”, sendo a única coisa relatada para os Policiais Militares, que só ouviram os disparos dos tiros, e o pedido de socorro da Senhora Armelina, e que nada mais foi visto ou falado. A polícia civil foi comunicada dos fatos, que solicitou a remoção do corpo para o IML de Teixeira de Freitas, onde o corpo passará por necropsia, sendo liberado posteriormente para os familiares. O Jocélio teria passagem por tráfico de drogas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As forças policiais pedem que se alguém tiver alguma informação, que entre em contato através dos números 197 ou 190, podendo ser de forma anônima, para que a polícia possa chegar o mais rápido possível aos criminosos.

Por: Cloves Neto

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *