TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Sem categoria

Ciganos vingam morte de líder e matam dois no sudeste baiano

CIGANOS 1Após o duplo homicídio os ciganos abandonaram o acampamento na cidade de Barra do Rocha l Foto: Giro em Ipiaú

Uma divergência ocorrida a partir da venda de um veículo, que não foi quitado integralmente teria resultado em três mortes, duas delas  na tarde deste domingo (22/9), próximo a um acampamento situado no bairro Aloísio Galvão, na cidade de Barra do Rocha. Uma das vítimas, Elder Moraes, era suspeito de ter matado Muniz Cigano, de 65 anos, que estava desaparecido desde sexta-feira (20).

O corpo do cigano foi localizado neste domingo, dia 22, em uma propriedade rural, com os braços quebrados e  perfurações de faca. Pouco tempo depois Elder foi morto em companhia de um amigo, identificado como Vilson Miranda Rodrigues, que supostamente não tinha nenhuma relação com o problema. Vilson que estava trabalhando em uma construtora que atua na região, ainda foi  levado com vida para o Hospital Geral de Ipiaú (HGI), mas não resistiu aos disparos e veio a óbito.

De acordo com informações levantadas pelo blog Giro em Ipiaú, Elder, que era natural de Ibirataia,  teria ameaçado Muniz Cigano, um dos envolvidos na transação com o carro. E neste domingo (22) Elder e Vilson teriam encontrado com um filho de Muniz Cigano, momento que teriam surgido outros ciganos, esses que teriam efetuado diversos disparos, fugindo em seguida numa caminhonete.

No local da dupla execução a polícia encontrou vinte cápsulas de pistola. Populares que presenciaram o ocorrido ameaçaram incendiar as casas e veículos dos ciganos, sendo impedidos por policiais militares. Até a manhã desta segunda-feira (23) ninguém havia sido preso.

Por GiroemIpiaui

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *