TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Polícia Política Regionais SLIDE HOME

Vergonha: Saúde de Medeiros Neto tenta salvar Jorge, o andarilho que o HMTF negou atendimento

TEIXEIRA DE FREITAS 1

O morador de rua Antônio Jorge Gonçalves Medeiros, 59 anos, que foi vítima de um acidente na BA-290, próximo ao trevo de Medeiros Neto, foi levado, por volta de meio dia desta terça-feira (6), para Salvador, onde passará por um centro ortopédico e neurológico. Ele, que está inconsciente, foi conduzido de Medeiros Neto em uma ambulância da prefeitura até a cidade de Teixeira de Freitas, onde uma aeronave do estado vai leva-lo à capital baiana.

Enquanto o andarilho Jorge trava uma luta intensa contra a morte, o prefeito de Medeiros Neto, Nilson Costa, o secretário da Saúde, Fabiano Rodrigues, e o diretor do Hospital Municipal, Danilo Bravin Novais, desesperadamente, desde o primeiro momento, tentaram conseguir uma vaga na UTI em Salvador. A dor de Jorge não tocou os sentimentos dos responsáveis pela saúde em Teixeira de Freitas, cidade mais próxima onde ele poderia ter sido atendido, mas não foi sequer recebido. E, não foi por falta de esforço do prefeito, do secretário e do diretor, que produziram todos os documentos que a burocracia manda.

TEIXEIRA 2

Enquanto o Hospital de Teixeira de Freitas fechou os olhos e decidiu não receber o andarilho, profissionais de saúde de Medeiros Neto juntaram-se a ele na luta pela vida e, diuturnamente, o ajudaram como puderam, e sofreram, quase na mesma proporção.

Apesar de revoltante e desumanamente triste, não é de se estranhar que Jorge esteja convalescendo nesse país de saúde cambaleante, afinal, ele não descende de nenhuma família tradicional ou rica. Sem dinheiro e sem status Jorge é conhecido apenas pela simpatia que transmite e pela graça que faz ao pedir aos transeuntes míseros 10 centavos para comprar cachaça. Para esse padrão de gente falta quase tudo, inclusive o direito à vida.

TEIXEIRA 3

Com o intento de fazer com que o coração de Jorge continue batendo, o secretário, juntamente com os demais, guerreou contra o tempo e confessou não estar com o espírito em paz. Em entrevista ao Radar58, o enfermeiro Fabiano, que é evangélico e tem especialidades em políticas públicas de saúde, em saúde coletiva e gestão pública, afirmou que “só vai descansar a alma e o coração quando Jorge estiver em um centro ortopédico e neurológico”, uma vez que ele teve fraturas e traumatismo craniano.

A foto abaixo, de uma mensagem enviada pelo secretário da Saúde de Medeiros Neto ao secretário de Saúde da Bahia, Washington Luís Silva Couto, no dia seguinte após o acidente, demonstra a preocupação da atual administração e de todos os demais envolvidos com a Saúde em Medeiros Neto, em salvar o paciente.

Na história da vida real, que mais parece ficção, Jorge aguarda em uma batalha silenciosa a oportunidade divina para viver.

Por Edelvanio Pinheiro/Radar58

 

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *