cash loans online california
Bahia - Brasil -


Vereadores esbravejam contra governo João Bosco em Teixeira de Freitas

FOTO 2

Na presidência do vereador Ronaldo Alves Cordeiro, o “Ronaldo Baitakão” (PSC), a Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, na noite desta terça-feira (23/07), recebeu a presença de dois vereadores de Mucuri, José Mendes Fontoura, o “Zé do Boi” (PMDB) e Vomberto Alves de Souza (PMDB), além de empresários das empresas prestadoras de serviços à Suzano Papel e Celulose que estão liderando uma campanha contra a primarização nos serviços da companhia. Os quais receberam o apoio dos vereadores teixeirenses, esse que sugeriram um manifesto em frente à Suzano com a finalidade de fechar a fábrica.

Mas a sessão da Câmara em Teixeira de Freitas, foi marcada por discursos fortes dos parlamentares que criticaram duramente a falta de ação do governo do prefeito João Bosco (PT), que está chegando aos 7 meses de administração sem nenhuma ação. O vereador Yuri Takão Shinozaki, o “Yuri da Tajon” (PR), criticou a dificuldade que a população está tendo de acessar o portal da transparência municipal e disse que ninguém aguenta mais de tanto esperar pelo real funcionamento da saúde pública de Teixeira de Freitas. O vereador Adriano Santos Souza (PTN), disse que o Hospital Municipal e os postos médicos da cidade estão necessitando do básico e que nunca se viu um estado de tanta calamidade na saúde pública local.

O vereador Ariston Pinheiro da Costa (PP), informou que na sessão anterior houve um silêncio dos parlamentares em protesto à falta de ação do governo municipal. “Às vezes o silêncio vale mais do que mil palavras”, disse, criticando a falta de ação dos secretários de João Bosco, chamando-os de pés pesados. O vereador Adalgiso Rodrigues Jardim (PR), disse que nos seus 27 anos morando em Teixeira, apenas cinco bairros foram pavimentados e pelo ritmo que se vai, ele terá que esperar mais 27 anos para enxergar  mais outros cinco bairros pavimentados num universo de uma cidade com 62 bairros e com 157 mil habitantes, e acrescentou que o prefeito João Bosco precisa acordar, porque saúde e educação são como água, luz e comida na casa do cidadão.

A maior critica partiu do vereador Manoel Pedro da Silva Neto, o “Pedrão” (PV), que esbravejou: “É uma vergonha Teixeira ter escolhido um prefeito para ser mandado por deputados do PT que são lá de fora. Prefeito esquece esse povo de fora e olhe para o povo da cidade. Vamos expulsar esta cambada de canalhas que veio de fora para roubar os cofres do município”, discursou Pedrão, ainda chamando o governador Jaques Wagner de preguiçoso. Na seqüência a vereadora Oneidi Alves de Sousa (PSB), também esbravejou contra a falta de postura do prefeito João Bosco e disse que na qualidade de legítima representante do povo no Poder Legislativo não vai aceitar que forasteiros contumazes em desvio de dinheiro público, tomem conta e levem embora os recursos de Teixeira de Freitas.

FOTO  1

O vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PDT), discursou dizendo que a cidade está jogada no lixo e a saúde pública que já foi referência regional está totalmente falida e que, o prefeito João Bosco precisa tomar cuidado com as tapinhas nas costas e que ele deve tomar conta do município ostentando objetivo em prol da população, porque são muitos os “cambalacheiros” que atualmente lhe rodeiam. Já o vereador Ailson da Cruz Pereira (PSDB), um dos maiores críticos ao governo João Bosco, se atentou apenas em censurar os discursos do prefeito e dos seus secretários que são sempre os mesmos e não convencem ninguém, porque só vivem culpando o passando e não mostram nenhum resultado, ao mínimo emergencial para tirar o município do caos.

Por: Teixeiranews

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados