cash loans online california
Bahia - Brasil -


Teixeira: Briga por despesa de R$ 20,00 reais pode ter sido o motivo da morte do dono de Motel; PM é suspeito

A Policia Civil da 8ª Coordenadoria Regional de Teixeira de Freitas, coordenada pela delegada Valéria Chaves, pode esclarecer a qualquer momento o assassinato do empresário teixeirense, do ramo de motel, Edvaldo Ferreira da Silva, de 70 anos, morto com tiros na cabela, fato ocorrido na madrugada deste último sábado (27), no interior de seu próprio estabelecimento comercial, localizado na Avenida Presidente Getulio vargas, na saída para Medeiros Neto, em Teixeira de Freitas, durante uma discussão com um clientes. Durante os disparos, a mulher que estava na companhia do atirador também foi alvejada na região do ombro.

Sem risco de morrer, a mulher foi atendida por uma equipe do SAMU e em seguida levada para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas. Já o atirador, esse se evadiu do local a bordo de um veículo supostamente de cor preta, placa não identificada. Para a Policia Civil, a mulher havia declarado que não conhecer o homem que teria ido ao Motel com ela, apenas teria aceitado o convite e ido ao estabelecimento com o mesmo.

A Policia Civil deu continuidade as investigações, bem como os depoimentos, os quais deram conta de que o crime teria sido motivado justamente por uma discussão, a qual envolvendo o empresário e um suposto policial militar, onde o empresário teria sacado uma arma de fogo e disparado um tiro em direção ao carro em que estava o militar e a mulher, vindo o disparo a alvejar o ombro da mesma, razão pela qual o militar teria reagido, sacando a sua arma e atirando em direção do empresário Edvaldo, momento em que o mesmo foi alvejado na cabeça e mão, causando a morte instantânea do proprietário do Segredos Motel.

Segundo a Policia Civil, o suposto autor do crime já teria se prontificado a se apresentar acompanhado de um advogado, bem como a entregar a arma que fora utilizada para matar a vitima. As investigado estão a cargo dos delegados Manoel Andreeta e Bruno, do setor de Homicídios da 8ª Coorpin, ambos irão dar continuidade as investigações afim de esclarecer a verdadeira autoria e motivação do violento assassinato que vitimou o empresário teixeirense.

Por: Arnóbio Formosa/Teixeiranoar

 

 

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados