cash loans online california
Bahia - Brasil -


Mucuri: Delegado Charlton prende taxista acusado de dirigir bêbado e matar motociclista em acidente
DSC00640“Adenildo” era casado, ele deixa espoosa e duas filhas menores de idade 

Mucuri: Mais um motociclista perdeu a sua vida vitima de acidente de transito neste final de semana na região do extremo Sul. Desta vez a tragédia ocorreu na BR 101, no distrito de Itabatã, próximo a Pousada Rio Mucuri. Segundo informações de testemunhas, o taxista da cidade de Mucuri, Manoel Pereira Lima, conhecido como “Manoel de Caroba”, de 65 anos, dirigia supostamente embriagado e se envolveu no acidente automobilístico que terminou matando violentamente o motociclista Adenildo Afonso da Silva, de 22 anos de idade, que morava na Rua Jaqueira, no Cajueiro, no distrito de Posto da Mata, município de Nova Viçosa.

O motociclista “Adenildo” ainda foi socorrido com vida ao Hospital municipal de Teixeira de Freitas, mas o mesmo não resistiu aos ferimentos e morreu na noite deste último domingo (09) vitima de anemia aguda provocada por acidente de automobilístico. Seu corpo foi removido para o Instituto médico Legal da cidade, onde foi necropsiado na manhã desta segunda-feira (10), pela médica Elisabeth Barbosa e em seguida liberado aos familiares para o velório que será realizado no distrito de Posto da Mata, município de Nova Viçosa.

No momento do acidente, a vitima “Adenildo” estava acompanhado de seu cunhado, o jovem Arildo Costa Santos, ele que estava de carona na motocicleta, mas com o impacto da batida ele acabou sendo  arremessado para fora da pista, motivo pelo qual não sofreu lesões graves. “Arildo” foi encaminhado ao hospital de Itabatã, mas logo em seguida foi liberado da unidade. Já o taxista “Manoel de Caroba” saiu ileso do acidente, mas foi preso em flagrante  pelo delegado Dr. Charlton Fraga. Ele recusou a se submeter ao exame de embriaguez

A família do jovem motociclista que perdeu a vida estava no Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas na manhã desta segunda (10) para receber o corpo da vitima. Chocados com o ocorrido, eles acusam o taxista de Mucuri de estar dirigindo o seu “veiculo táxi” em visível estado de embriaguez.

Um inquérito foi instaurado pelo delegado territorial da comarca de Mucuri, Dr. Charlton Fraga Bortolini, ele que certamente vai investigar a denúncia, a qual dando de que o taxista estaria conduzindo o seu veículo em visível-estado de embriaguez no momento do acidente.

Por: Arnóbio Formosa

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados