cash loans online california
Bahia - Brasil -


Polícia Civil e Militar elucidam duplo homicídio em Belmonte; dois foram presos e três estão foragidos

Belmonte: Na manhã desta última sexta-feira (11), após intensas investigações das forças de seguranças (Polícia Civil e Militar) foi cumprido um mandado de prisão preventiva contra o suspeito Carlos Roberto Oliveira, vulgo “Buru”, 29 anos de idade, pelo seu envolvimento no Duplo Homicídio Qualificado, ocorrido em 08 de janeiro deste ano, por volta das 01h30, na Travessa Visconde de Cairu, no Bairro Ponta de Areia, Município de Belmonte, tendo como vítimas, o casal Hércules da Silva Santos, vulgo “Equinho” e Ana Paula Aquino de Souza.

Segundo a polícia, na quinta-feira (10), já havia sido cumprido um mandado de prisão preventiva em face de Joaldo Pereira dos Santos, 18 anos de idade, o qual foi apontado por testemunhas como um dos autores do crime. As investigações iniciaram logo após o crime, e após intensa oitiva de testemunhas, o crime foi elucidado tendo sido apontados como autores do delito, os membros da Facção HDL, identificados como Pedro Augusto de Santana Ramos, vulgo “Pedroca”, 28 anos, como mandante do crime e líder do HDL; Joaldo Pereira dos Santos, 18 anos e Uelisson de Jesus, vulgo “Rasta”, 27 anos, como executores do crime.

Ainda segundo as investigações, o Joaldo e o Uelisson entraram no imóvel e assassinaram o casal, com tiros de pistolas calibre .9mm e .40, conforme estojos e projeteis encontrados no local do crime. O Carlos Roberto, vulgo “Buru”, 29 anos, segundo as investigações, foi o motorista do veículo Chevrolet Corsa, de cor preta, o qual os membros da quadrilha se dirigiram ao local do crime, e fugiram logo após o homicídio. O envolvido Deyvison dos Santos Nascimento, vulgo “Gordo”, 21 anos de idade, foi quem fez a vigilância do grupo na rua e na frente do imóvel, enquanto os demais assassinavam as vítimas.

Segundo testemunhas, a motivação do crime, seria porque o casal que havia sido preso pelo crime de trafico de drogas e entorpecentes em janeiro de 2018, e haviam acabado de sair da prisão, e retornaram para atividade criminosa com apoio da facção SC de Porto Seguro, tendo o líder do HDL, Pedro Augusto, não gostado da concorrência, e mandado matar o casal, como forma de represália e domínio pelos pontos de drogas.

Os mandados de prisão foram expedidos pela Juíza de Direito da Comarca de Belmonte, Dra. Andréa Gomes Fernandes Beraldi, o qual apreciou todas as provas e indícios contra os investigados apresentados pela Polícia, e decidiu pela Prisão Preventiva de todos os envolvidos. As forças policiais, de posse dos mandados de prisão, diligenciaram atrás dos demais envolvidos, contudo, até a presente data, 03 (três) dos envolvidos encontram-se foragidos da Justiça.

A Polícia solicita o apoio da sociedade para ligarem para o Disque Denúncia 181, 190, 73-3287-2408 (Delegacia de Belmonte), caso saibam o paradeiro dos envolvidos. A presidência do Inquérito Policial segue a cargo do Delegado de Polícia Wendel Ferreira, titular da Delegacia Territorial de Belmonte.

Por: Teixeiranoar/Ascom

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados