TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Eventos independentes Regionais

Nova Viçosa: Justiça determina que obras de Kracjberg permaneçam na cidade

JUSTIÇA

A Justiça determinou, em liminar, que um acervo de 110 obras de artes do artista plástico Frans Kracjberg, doadas à Fundação Cultural de Curitiba na década de 1990, permaneça em Nova Viçosa, no extremo sul da Bahia. As obras permanecerão na cidade até que sejam completamente restauradas pelo artista por decisão da juíza Tarcísia de Oliveira Fonseca, da Vara dos Feitos de Relações Cíveis e Comerciais de Nova Viçosa. A juíza acatou os argumentos do Ministério Público da Bahia (MP-BA), de que as obras, avaliadas em mais de R$ 28 milhões, fazem parte do patrimônio cultural da cidade e estão em situação de ameaça, por causa de más condições de conservação durante o período em que esteve sob responsabilidade da Fundação. A Fundação Cultural ainda pode recorrer da decisão. As obras estão no ateliê de Frans, em Nova Viçosa, há mais de dois anos, desde que a Justiça do Paraná autorizou o artista a retirar o acervo do espaço cultural, criado pela prefeitura de Curitiba em sua homenagem, para que pudesse ser restaurado até agosto do ano passado. As peças não foram restauradas no prazo devido a falta de pagamento por parte da Fundação. O disputa judicial entre o artista e a Fundação Cultural de Curitiba começou quando uma ação judicial movida pela instituição impediu que Kracjberg realizasse qualquer intervenção nas obras.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *