TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Polícia Regionais

Itamarajuense que amarrou dinamites em gerente também é acusado de explodir caixas eletrônicos

FOTO 1

Pelo visto o homicida e assaltante itamarajuense Ismário Ferreira de Souza, 25 anos, preso na última terça-feira (30), acusado de comandar uma quadrilha que amarrou explosivos ao corpo de um gerente de banco da cidade de Trindade-GO., para roubar a agência bancária, é mais perigoso do que muitos imaginavam.

Em 10 de janeiro deste ano de 2013, Ismário e mais dois comparsas tinham sido presos em Ribeirão das Neves, cidade da Grande Belo Horizonte. De acordo com policiais militares que participaram da ação de captura, os suspeitos foram abordados em um carro após reagirem de forma suspeita à aproximação da viatura, que seguia de volta para o 40º Batalhão. Dois deles foram identificados como Ismário Ferreira de Souza, de 25 anos, e Bismarck Souza Amaral, de 24 anos, sendo o primeiro homicida confesso do colhedor de café Sérgio Bruno Souza Costa, de 23 anos, crime ocorrido em abril do ano passado no bairro Várzea Alegre, em Itamaraju e o segundo, coautor da execução, já que além de pilotar a motocicleta usada no crime, permaneceu o tempo todo apontando uma arma contra a cabeça da mãe da vítima, enquanto o comparsa executava o itamarajuense no interior da casa onde morava.

Durante a prisão ocorrida em Minas Gerais, os três suspeitos receberam ordem para descer do veículo e confessaram que dentro do carro estava um revólver. Após buscas, os militares encontraram, além da arma, diversos aparelhos eletrônicos, como tablets e celulares. Ainda dentro do veículo, os policiais encontraram uma algema e uma touca. Com a polícia apreendeu aproximadamente R$ 1,6 mil em espécie, sendo que algumas notas estavam queimadas. A suspeita dos militares é que o dinheiro possa ter saído de caixas que foram explodidos em Belo Horizonte-MG., onde houve algumas ocorrências no início deste ano de 2013.

FOTO 2

Em alguns dos telefones apreendidos pelos policiais militares mineiros no interior do veículo que era usado pelo trio, estavam fotos de uma mulher que portava uma arma e outras imagens do armamento, que está sendo procurado, juntamente com a suspeita. A polícia desconfia que essa mulher seria namorada de Ismário e natural da Bahia, possivelmente de Itamaraju. Na última prisão de Ismário por causa do caso em que o mesmo amarrou dinamites no corpo do gerente de banco para roubar a agência bancária em Trindade, região metropolitana de Goiânia-GO., também aparece a figura de uma mulher, considera muito bonita por sinal, que seria uma espécie de isca. Ela adentraria às agências dos bancos, levantava a rotina dos gerentes e depois repassava as informações ao bando comandado pelo itamarajuense Ismário.

Até o momento essa mulher não foi localizada pela polícia e ninguém sabe ao certo como Ismário fez para deixar a prisão em Minas Gerais e depois cometer o assalto ousado contra a agência da cidade de Trindade, onde acaba de ser preso. Desta vez, segundo o delegado Valdemir Pereira, titular de Trindade, o assaltante e homicida deve ser levado para um presídio de segurança máxima.

Por Teixeiranews

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *