cash loans online california
Bahia - Brasil -


Funcionários que mataram dono de mercado para roubar já haviam comprado até casa com dinheiro
Fotos: Liberdadenews

Presos na manhã desta quarta-feira (23), pela equipe de delegado Ricardo Amaral, titular da delegacia Circunscricional da 8ª coorpin, dois funcionários do Supermercado Santos, suspeitos de envolvimento na morte do patrão, o empresário Carlos Alberto dos Santos, de 54 anos, morto a tiros na porta de sua própria casa, ao lado de seu estabelecimento comercial, localizado na Rua Duarte da Costa, no centro de Teixeira de Freitas, crime ocorrido no final da tarde do último dia 08 de dezembro.

Segundo informações, do delegado Ricardo Amaral, tão logo ocorreu a morte do empresário, ele e sua equipe de investigadores começaram seguir as linhas de investigações, ouvindo testemunhas, bem como analisando as imagens das câmeras de segurança, uma vez que as mesmas mostraram o momento em que os executores chegaram a bordo de uma motocicleta e atiraram a queima rouba no empresário “Carlos, que, ainda com vida foi socorrido para o HMTF, mas morreu minutos depois.

Com base nas investigações e as provas colhidas, o delegado Ricardo Amaral acabou suspeitando do envolvimento dos dois funcionários do Supermercado na morte do empresário, ambos identificados como sendo, Misael Araújo dos Santos, e Lucas Silva dos Santos, os quais com 20 anos de idade. Os dois funcionários são acusado de terem furtados a quantia de  R$ 160.000,00 (cento e sessenta mil reais) do empresário, após os mesmos descobrirem que o dinheiro da vitima se encontrava guardado no interior do mercado.

Diante das provas, o delegado acabou solicitando as prisões temporárias dos suspeitos, ambas foram concedidas na manhã desta quarta-feira (23) pelo juiz criminal da comarca local, e cumpridas logo em seguida por uma equipe de investigadores do delegado Ricardo Amaral, da 8ª Coordenadoria de Polícia Civil de Teixeira de Freitas.

Um dos funcionários já havia comprado uma casa e vários móveis com parte do dinheiro que fora roubado do empresário

“Misael”  e “Lucas”, ambos , eram funcionários de confiança do empresário ” Carlos”e sabiam de toda movimentação financeira do empresário. Para executarem a ação criminosa, os  funcionários contrataram os dois matadores, que, a bordo de uma motocicleta, eles surpreenderam o empresário “Carlos”  e atiraram a queima roupa no momento em que a vitima se preparava para adentrar com a sua caminhonete S-10  de cor branca na garagem de sua residencia.

Durante as investigações, os matadores foram identificados como sendo, Alexandre Evangelista, o “Thum”, de 22 anos, e Yago Moraes Freire, de 20 anos, ambos foram contratados para matar o empresário “Carlos” por uma quantia de R$ 20.000,00 (vinte mil reais). Três dias após cometerem o brutal assassinato, os suspeitos desapareceram da cidade, após saírem a bordo de uma motocicleta Honda Bros. Dias depois, ambos foram encontrados mortos e apresentando perfurações de arma de fogo.

Nesta quarta-feira (23), durante ao cumprimento dos mandados de prisões contra os dois funcionários, os investigadores conseguiram prender um terceiro suspeito de envolvimento no crime, bem como recuperar a quantia em especie de R$ 48.000 (quarenta e oito mil reais), os quais se encontravam em poder dos dois ex-funcionários do mercado. Segundo o delegado,  são 5 elementos envolvidos no assassinato de “Carlos”, mas dois (executores) já foram assassinados, conforme acima mencionados.

Moveis que foram comprados pelos ex-funcionários com o dinheiro do roubo

Os dois funcionários, bem como o terceiro suspeito estão presos na sede da 8ª Coordenadoria de Polícia Civil de Teixeira de Freitas, de onde serão transferidos para o Conjunto Penal, tão logo a suas prisões preventivas sejam decretadas pelo juiz criminal.

Por: Arnóbio Formosa/Teixeiranoar

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados