cash loans online california
Bahia - Brasil -


Foco no Poder: Marcus Pinto resistiu; Por Dilvan Coelho

FOCO NO PODER

Por Dilvan Coelho

 

Diminuiu a violência

Segundo entrevista do delegado, Dr. Marcus Vinícius, chefe da 8ª Coorpin, em Teixeira de Freitas, e do delegado Dr. Marco Antônio Neves, os casos de crimes de homicídio na cidade baixaram 36%. De acordo ao coordenador, dentre os fatores que contribuíram para isso está a instalação do Núcleo de Homicídios, que implicou numa metodologia diferenciada para este tipo de crime, além do entrosamento entre as forças de segurança da cidade – a Polícia Civil, o 13º Batalhão, a direção do conjunto penal e os representantes do Ministério Público e do Judiciário. Parabéns pelo trabalho!

 

Lula não apareceu

Existem muitas especulações com relação ao fato de Lula ter saído de cena, inclusive, o fato de ter ido para a África surfar na crista da onda da sua fama internacional do torneiro que se tornou presidente e salvou a classe pobre brasileira da miséria absoluta. Será que ele pretende levar sua experiência para salvar os miseráveis dos diversos países africanos? Ocorre que no Brasil quem pagou a conta foi a classe média, que hoje está indo para a rua reclamar do preço que pagou e vai pagar ainda mais. Os gastos da copa do mundo vão ser quatro vezes mais do que foi gasto lá mesmo na África do Sul. Volta para casa Lula, para salvar a classe média!!!

 

Marcus Pinto resistiu

A anunciada queda do secretário de Saúde de Teixeira de Freitas, Marcus Pinto, foi desmentida pelo prefeito João Bosco no dia seguinte que saiu a notícia na imprensa local. Conforme o prefeito, foram os adversários que espalharam o boato para desestabilizar seu governo. Falando sério, João, com todo respeito, será isso mesmo, ou, é porque seu governo não encontrou ainda o rumo e o Sr. não está conseguindo administrar o arco de alianças que fez? O pior, ao nomear o secretariado, adotou apenas o critério político, não levando em consideração o técnico para os cargos-chave – por exemplo, finanças, saúde e educação. Na verdade, o que parece é que o Sr. perdeu o controle do governo.

 

Isabel Cristina caiu

A saída da competente secretária de Educação de Teixeira de Freitas, Isabel Cristina Frazão, já era prevista há muito tempo. Primeiro que, devido a sua conduta ilibada, jamais iria aceitar nenhuma ação que viesse colocar em xeque sua idoneidade moral, por conta de seus princípios religiosos. Depois as pressões políticas em cima dela foram a gota d’agua para provocar o seu pedido de demissão. Os comentários é que o chefe de gabinete, Sr. Marcilio Goulart, demitiu o homem de confiança da secretária sem que ela, ao menos, tomasse conhecimento antecipado da decisão.

 

A vez das mulheres

Um estudo que está sendo feito sobre a presença das mulheres no poder mostra que oito em cada dez brasileiros ouvidos pelo Ibope e pelo Instituto Patrícia Galvão para uma pesquisa sobre a presença das mulheres na política defenderam a obrigatoriedade de uma divisão com o mesmo número de candidatos e candidatas nas listas partidárias para as eleições. Esse estudo foi divulgado em Brasília no dia 9 de julho. A legislação brasileira reserva 30% para as candidaturas das mulheres e apenas 10% do tempo de propaganda eleitoral para cotas do sexo. É preciso estimular as mulheres a participar mais do processo político.

 

Quinta-feira, dia D

Conforme anunciado previamente, a quinta-feira, 11, Dia Nacional de Lutas com Greves e Manifestações chegou, e ocorreram mobilizações em várias partes do Brasil. Pelo menos 40 estradas foram bloqueadas em 14 Estados, foram as principais ações das centrais sindicais. A Central Única dos Trabalhadores ligada ao PT concentrou suas ações em São Bernardo do Campo e também em vários pontos da capital paulista. A Força Sindical e a União Geral dos Trabalhadores foram proibidas pela Justiça de bloquear estradas federais no Estado de São Paulo. A iniciativa foi da Advocacia Geral da União. Caso a determinação judicial fosse descumprida, as centrais seriam multadas em R$ 100 mil por hora de bloqueio realizado.

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados