cash loans online california
Bahia - Brasil -


Crime organizado: Força-tarefa prende mais de 10 em Porto Seguro
GALERIA COM FOTOS CHOCANTES

PORTO SEGUROM 1

Mais de 10 pessoas, acusadas de tráfico de drogas e assassinatos em Porto Seguro e nos distritos de Arraial d’Ajuda, Trancoso, Vera Cruz e Pindorama, foram presas nesta quinta-feira (6). Todas estavam com mandado de prisão decretado pela justiça. Foi o desfecho da operação Cruz de Malta, que envolveu polícia civil, polícia militar e outros agentes da força de segurança da Bahia.

Foram apreendidos quase R$ 20 mil em dinheiro, seis armas de fogo, drogas, balanças de precisão, cinco carros e três motos. O delegado Moisés Damasceno, diretor do Depin (Departamento de Polícia do Interior), destacou três prisões importantes que, de acordo com ele, são um duro golpe no crime organizado.

PORTO SEGURO 2

Temos Leandro Mendes da Silva, 30 anos, o Pitbull, muito conhecido no meio policial pela prática de crimes em Itabela, Porto Seguro e região, onde traficava e tinha mandado de prisão em aberto. Prendemos ainda Jamile Silva de Jesus, 20 anos, tida como a gerente financeira do traficante André Márcio de Jesus, líder de uma facção criminosa em Porto Seguro e Ronielson Monteiro de Alcântara, 24 anos, vulgo Roni, acusado de tráfico e mais de cinco homicídios em Porto Seguro’, declarou Moisés Damasceno.

MOISES 1

A união de forças e ação integrada do estado foram contundentes contra a criminalidade, na opinião do coordenador da 23ª Coorpin, delegado Élvio Brandão.

‘A gerente financeira do Buiu, por exemplo, tem uma pequena lan house no Baianão e a mãe dela diz que é doméstica e que encontrou o dinheiro apreendido na areia. Na verdade, são componentes da quadrilha, responsável pela logística, distribuição de drogas e levantamento financeiro’, informou o delegado Élvio Brandão.

Para o titular da 1ª Delegacia Territorial de Porto Seguro, delegado Delmar Bittencourt, a maior parte dos homicídios no município está relacionada ao tráfico de drogas e disputa de território.

‘Fizemos um trabalho de levantamento dessas pessoas que estavam traficando e cometendo homicídios. A gente já representou pela prisão preventiva de mais de 50 pessoas. Cumprimos algumas’, falou Delmar.

Já o tenente coronel Valter Serpa, comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar em Porto Seguro, disse que a operação Cruz de Malta foi coroada de êxito.

‘É apenas o início de várias outras ações que visem a manutenção a manutenção da tranqüilidade na cidade de Porto Seguro’, disse Serpa.

A força-tarefa contou com participação de 70 policiais civis, 19 policiais da CIPE-Mata Atlântica, 29 policiais militares do 8º Batalhão, Superintendência de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública da Bahia e Departamento de Narcótico da Bahia (Denarc).

Foram presos:

– Leandro Mendes da Silva (Pitbull), 20 anos
– Jamile da Silva de Jesus, 20
– Salomão Rodrigues dos Santos
– Maricélia Silva de Jesus, 39
– Leonardo da Silva, 19 anos
– Carlos Magno Santos Oliveira, 21
– José Taglison Moura Taler, 19
– Adilson Santos Moreira, 42 anos,
– Luane Silva de Jesus, 18 anos
– Ronielson Monteiro de Alcântara (Roni), 24 anos
– Madson de Almeida Vaz (Malagueta), 21

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados