TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Sem categoria

Confirmado: Ladrão preso em Teixeira de Freitas é fugitivo do Paraná

LADRÃO CJá de barba feita o criminoso deve ser recambiado para Curitiba-PR., onde terminará de cumprir sua pena

Como já tinha adiantado com exclusividade o Teixeira News, nesta sexta-feira (16) o delegado Júlio César Telles, plantonista da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, finalizou as investigações acerca da prisão de um elemento que deu o nome de Juliano Rodrigues dos Santos, de 27 anos, após o mesmo tomar à força a quantia de R$ 1,5 das mãos de um jovem, que tinha acabado de sacar o dinheiro na agência local do Banco do Brasil.

Após várias diligências os policiais militares da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO), que realizam rondas em motocicletas, avistaram o acusado na Praça da Bíblia, região central de Teixeira de Freitas, de onde o elemento fugiu em disparada e deixou cair um envelope com a quantia de R$ 1.005,00, do total de R$ 1,500,00 que o mesmo tinha furtado da jovem teixeirense. Com a fuga os militares iniciaram uma perseguição e prenderam o acusado nas proximidades de um posto de combustível, já na avenida Getúlio Vargas. Perguntado sobre os outros R$ 495,00 o ladrão relatou que tinha comprado roupas, comida, bebida e pedras de crack.

Desconfiado do nome dado pelo criminoso, o delegado Júlio César Telles, de plantão naquela quinta-feira do último dia 8 deste mês de agosto, dia da prisão, iniciou uma série de investigações, inclusive solicitando um exame datiloscópico, também conhecido como identificação por impressões digitais. E em posse do resultado do exame o delegado Júlio Telles descobriu que o elemento preso chama-se na realidade apenas Juliano Rodrigues, fugitivo da Colônia Agrícola de Curitiba-PR., onde também foi condenado por furto.

Ainda conforme o delegado Júlio César Telles, Juliano, em dezembro de 2012 chegou a ser preso na cidade sul baiana de Ubaitaba por força desse mesmo mandado de prisão, de onde também conseguiu fugir. Além de usar o nome falso para tentar driblar a polícia, Juliano Rodrigues, de 27 anos, se passava por doente mental para não ficar preso. A expectativa é que nos próximos dias o criminoso seja recambiado para o estado do Paraná, onde terminará de cumprir sua pena.

Por Ronildo Brito e Tyago Ramos

 

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *