TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Sem categoria

Chuva e falta de ação do poder público municipal provocam caos em vários bairros de Teixeira de Freitas

Uma chuva mansa que caiu na manhã desta terça-feira (20), por volta das 11h, na cidade de Teixeira de Freitas, foi o suficiente para provocar um caos total e muito constrangimentos e até prejuízos  a moradores de alguns bairros de Teixeira de Freitas.

DSC00685
B. Bela Vista: Canoa utilizada por um morador no transporte das pessoas ilhadas

Os pontos mais críticos e alagados da cidade foram registrados em áreas já conhecidas de toda população.  A Praça Hilton Chicon, mas conhecida como “Praça do Shooping Teixeira Mal Center”, localizada no centro de Teixeira de Freitas e o bairro Bela Vista, nas imediações das ruas Mucuri, Sossego e do Prado.  Estas foram às áreas mais afetadas pela chuva que caiu na manhã desta terça-feira (20), mas segundo os moradores, infelizmente isso só está acontecendo em Teixeira de Freitas, em razão da falta de infra-estrutura nesses locais, principalmente um serviço de drenagem fluvial de qualidade, pois as “bocas de lobos” já existentes não suportam o volume de água da chuva, com isso,  tanto as lojas comerciais quanto as casas residenciais são invadidas pela água da chuva em questão de minutos, causando assim prejuízos incalculáveis aos seus proprietários.

DSC00644
Bairro Bela Vista: Casa sendo invadida pela água e os móveis sendo destruídos

No dia de hoje a sena se repetiu novamente na cidade. Foi aproximadamente 1h de chuva não muito forte, mas que em poucos minutos deixou as ruas, lojas e casas cheias de água e muita sujeira. Vale ressaltar que essa região do “Shooping Teixeira Mal Center”, no centro de Teixeira de Freitas, é uma área de problemas crônicos de inundações, os quais já vem se arrastando há vários anos na cidade e tem causado sérios prejuízos aos comerciantes e moradores da região.

DSC00680
Carroça que trafegava em uma das ruas alagadas do bairro Bela Vista, já com os pneus submersos 

Segundo informações, o então prefeito Padre Aparecido, este com apoio da câmara de Vereadores da época, havia adquirido um empréstimo junto a Caixa Econômica Federal, um valor aproximado de R$ 11 milhões de reais, montante este que seria destinado para os serviços infra-estrutura e drenagem fluvial das ruas do entorno do “Shooping”, mas a obra não foi sequer iniciada. Segundo as más línguas, os (R$ 11 milhões de reais) teriam sido desviado para outras finalidades da então gestão do Padre Aparecido.

alagamento6
 Veiculo, Praça e lojas sendo invadidos pela água  na Praça do Shooping, no centro de Teixeira

Diante de tanto sofrimento e descaso do poder público, os comerciantes da região do “Shooping”, bem como os moradores do bairro Bela Vista, deixam uma pergunta para os nossos governantes: Até quando nós teixeirenses vamos conviver com essa situação de abandono!! Até quando nós comerciantes dessas áreas afetadas vamos ser desrespeitados pelo governo municipal de Teixeira de Freitas!! Comerciantes estes que pagam impostos caríssimos, que contribuem com a economia local, com a geração de emprego e renda, além de ajudarem na diminuição dos problemas sociais da cidade. Fica a pergunta no ar e vamos torcer para que o prefeito João Bosco e os seus 11 vereadores possam responder ao nosso povo com ações efetivas e não com discursos demagogos.

Por: Arnóbio Formosa

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *