TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Polícia Política SLIDE HOME Teixeira

Caso “Netinho”: Mesmo sabendo da prisão dos assassinos, pai faz desabafo contra direitos humanos

DSC00831

O pai do repórter fotográfico que foi morto durante um assalto ocorrido na noite do último sábado (7), o Sr. Josemare de Souza Matos, fez um desabafo durante entrevista concedida há várias rádios e sites de noticias de Teixeira de Freitas.

Mesmo já sabendo que a policia civil havia acabado de prender os autores da morte de seu filho, o Sr. “Josemare” enfatizou de forma incisiva o  comportamento daqueles que representam as comissões de Direitos Humanos, tanto nos municípios, quanto nos estados e união.

Essas instituições ao saberem da prisão de qualquer elemento que cometera um crime brutal, logo elas vão para cima e dão apoio esses acusados. Mas será que eles usam esse mesmo comportamento para com os familiares das vítimas! Aquelas  que perdem de forma brutal os seus entes queridos? Será que algum deles vai a minha casa para dar uma palavra de conforto para eu ou  minha família? Eu gostaria de saber, desabafou o Sr. “Josemare”, pai do jovem José Ferreira Matos Neto, o “Natinho”, de 22 anos.

NETINHO 2

“Netinho” foi brutalmente assassinado na noite do último sábado (7), por volta da 1h da madrugada, depois de ser abordado por dois elementos que estavam abordos de uma bicicleta. “Netinho” havia acabado de sair de sua residência abordo de uma motocicleta para ir buscar um colega nas imediações da Praça do antigo CETAB.

Segundo informações de populares, “Netinho” havia acabado de parar o seu veiculo em frente a casa do colega, momento em foi abordado pelos os marginais, os quais anunciaram assalto, pedindo que a vitima passasse o seu cordão, mas como “Netinho” demorou para tirar o bem do pescoço, um dos assaltantes acabou se irritando e resolveu efetuar um disparo nos pés da vítima, mas como a arma do bandido picotou, “Netinho” resolveu reagir a sua ação criminosa, foi neste momento que o assaltante puxou o gatilho pelo segunda vez, vindo esse segundo disparo a ser deflagrado e alvejando certeiramente a vitima na cabeça, vindo o jovem a morrer no local.

Os assaltantes fugiram do local levando a motocicleta da vitima, a qual foi encontrada na manhã de domingo (7), abandonada e faltando uma das rodas, no loteamento Zé da Mata. Na manhã desta quarta-feira (11), os autores do latrocínio foram presos pela policia civil  no interior de uma casa no bairro Residencial Ramalho (casas populares). Eles estão custodiados na sede da 8ª Coorpin e serão apresentados a imprensa local a partir das 15h.

Por: Arnóbio Formosa   

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *