cash loans online california
Bahia - Brasil -


Bahia é o estado com maior número de crimes violentos em março de 2020

Foram 525 registros no período. Em relação ao índice por 100 mil habitantes, isso significa a taxa foi de 3,53.

Monitor da Violência: Bahia é o maior estado com maior nº de crimes violentos em março de 2020 — Foto: Reprodução / G1

A Bahia é o estado com a maior quantidade de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) em março 2020, segundo dados do Monitor da Violência divulgados nesta segunda-feira (25). Os CVLIs incluem homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Comparando com o mesmo período do ano passado, houve um aumento de 18,5% nesse tipo de crime.

Essa é a segunda parcial do ano. Na primeira, o estado baiano também liderou a lista na quantidade de crimes desse tipo entre janeiro e fevereiro deste ano.

Segundo o Monitor da Violência, houve 4.146 mortes violentas em março de 2020. No mesmo mês no ano passado, foram 3.729. O crescimento ocorre mesmo em meio à pandemia da Covid-19

A Bahia teve 525 CVLIs, em março. Em relação ao índice por 100 mil habitantes, isso significa que o estado baiano teve uma taxa de 3,53. A taxa nacional de CVLIs a cada 100 mil habitantes é de 1,97.

Ainda segundo o monitor, depois da Bahia, em março, vieram o Rio de Janeiro (383), Pernambuco (361), Ceará (359), São Paulo (333), Minas Gerais (293) e Paraná (211).

Por meio de nota a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), ressaltou que 2020 será um ano de desafios para a polícia, que vinha de três anos consecutivos de redução no número de mortes violentas no estado.

A SSP-BA pontuou que 80% dos crimes têm ligação com “o tráfico de drogas (rivalidades e usuários com dívidas), combatido diariamente com prisões de traficantes e apreensões de entorpecentes”. E disse que verifica também se o aumento tem relação com a soltura de 3 mil detentos devido pandemia da Covid-19.

Ao analisar os estados do Nordeste, o monitor revela que depois da Bahia vieram Pernambuco (361), Ceará (359), e Rio Grande do Norte (113).

Em 2019, levando em consideração o mês de março, foram 443 casos de CVLIs.

Naquele mesmo período, a segunda posição foi ocupada pelo Rio de Janeiro (360), São Paulo (270), Minas Gerais (258), Ceará (190) e Paraná (180).

Dados nacionais

Brasil teve uma alta de 11% no número de assassinatos em março deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado.

Já considerando o trimestre, foram 11.908 vítimas de assassinatos neste ano contra 10.924 em 2019, uma diferença de 984 mortes.

A alta no início deste ano vai na contramão de 2019, que teve uma queda de 19% no número de assassinatos em todo o ano. O Brasil teve cerca de 41 mil vítimas de crimes violentos no ano passado, o menor número desde 2007, ano em que o Fórum Brasileiro de Segurança Pública passou a coletar os dados.

O G1 já havia antecipado que um terço dos estados tinha apresentado alta nos assassinatos no último trimestre de 2019, o que acendeu o alerta para uma possível reversão da tendência de queda da violência no país, segundo os especialistas. A reversão foi confirmada no início deste ano.

Os dados apontam que:

  • o país teve 4.146 assassinatos em março de 2020
  • houve 417 mortes a mais na comparação com o mesmo mês de 2019, uma alta de 11%
  • já no trimestre, foram 11.908 crimes violentos, um crescimento de 9%
  • 17 estados do país apresentaram alta de assassinatos no trimestre
  • 10 registraram queda no período

O levantamento faz parte do Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

G1

Deixe seu comentário
NOTÍCIAS RELACIONADAS

contato@teixeiranoar.com.br
Contato - (073) 8803-3752 /9959-9170
Quem Somos
Fale conosco
Eventos Realizados