TEIXEIRA NO AR

Tudo sobre Teixeira de Freitas e Região!

Polícia Regionais

Acusado de matar ex-namorada no ES é preso numa igreja em Teixeira de Freitas

Policiais civis do Espírito Santo com o auxílio de agentes da Polícia Civil da Bahia deflagraram uma verdadeira caçada nesta quarta-feira (27) em Teixeira de Freitas e nas cidades vizinhas, objetivando prender o jovem capixaba Leonardo Possato Bento, 23 anos, apontado como autor do assassinato da ex-namorada, Paola Souza Magnago, 20 anos, crime ocorrido na quinta-feira do último dia 7 de fevereiro na cidade de Linhares.

Por não aceitar o fim do relacionamento, Leonardo teria assassinado Paola com 6 tiros de revólver calibre 38 pelas costas, quando ela seguia para o trabalho no início da manhã. O suspeito pela morte da jovem, não aceitava o término do relacionamento e teria feito ameaças à moça e as intimidações do autor chegaram a ser relatadas numa ocorrência policial registrada pela vítima na ocasião.

O namoro durou um ano e meio. Após a separação, Paola escreveu na internet que só quando o relacionamento acaba é que se conhece uma pessoa de verdade. A família conta que várias vezes ela foi ameaçada pelo ex-namorado. “Se a Lei Maria da Penha funcionasse”, Paola estaria viva, referindo-se ao que chamou de descaso quando foi denunciar o ex-namorado dela à Polícia Civil.

“Ele começou a forçar a barra, achando que ela iria ceder, mas ela não queria e ponto final. Foi aí que começou a agressividade. Ele mandava ameaças o tempo todo. Ele dizia que iria matá-la, que iria matar o cachorro dela. Já tinha falado para a mãe dele que iria cometer uma loucura. Vez ou outra, ele lhe ameaçava após abordá-la no ponto de ônibus”, contou uma irmã da vítima, Luana Magnago.

A prisão

O delegado capixaba Fabrício Lucindo, de Linhares, cumpriu na tarde desta quarta-feira (27/02), em Teixeira de Freitas, a prisão do acusado Leonardo, que na sequência foi recambiado para o estado do Espírito Santo. Segundo os familiares do suspeito, Leonardo dizia que estava arrependido de ter matado a ex-namorada e que pretendia se entregar o mais rápido possível.

O rapaz prometeu que se apresentaria à polícia acompanhado de um advogado. Antes porém, Leonardo foi localizado por policiais civis caixabas e baianos, escondido em Teixeira de Freitas e sua prisão se deu quando participava de um culto evangélico em um Templo no bairro São Lourenço, zona central da cidade de Teixeira de Freitas. A prisão dele foi comemorada por familiares e amigos de Paola através das redes sociais.

Quando localizado Leonardo Possato Bento, 23 anos, estava na companhia de alguns familiares. A família do acusado que lhe convenceu a se entregar, disse que a Igreja foi o local escolhido pelos seus familiares para que Leonardo se entregasse, porque a negociação com a Polícia Civil do Espírito Santo objetivando a sua apresentação começou a ser negociada desde o último domingo (24/02).

O crime

O crime aconteceu na madrugada de quinta-feira (07/02), por volta de 4h30, na Rua Roberto Marinho no bairro Palmital em Linhares, a cerca de 500 metros da casa onde ela morava no Residencial Jardim Laguna. Ela era de São Mateus e morava em Linhares há um ano e meio com a família. A Polícia Militar foi acionada por populares e encontrou a vítima caída de bruços na rua. Peritos da Polícia Civil disseram que Paola Souza Magnago, 20 anos, foi atingida por seis tiros no alto das costas. Os militares na madrugada do crime foram até a residência do autor, no bairro Interlagos, e conversaram com um tio do suspeito. O homem disse que o sobrinho havia saído de casa de carro por volta das 4 horas, mas não disse para onde iria.

O pai da vítima, o encarregado administrativo Vagner Benha Magnago esteve na época no local do homicídio e disse à PM que a filha vinha recebendo ameaças pelo celular do ex-namorado. Por causa das ameaças, a família da jovem pediu ajuda a polícia na ocasião, mas nada teria sido feito para prevenir a tragédia anunciada. O velório do corpo da moça aconteceu na Capela Mortuária Municipal de São Mateus e o enterro foi às 09h de sexta-feira de carnaval (08/02), no Cemitério do bairro Aviação em São Mateus, sua terra natal. Depois do crime acontecido, familiares e amigos de Paola lançaram uma campanha na internet para encontrar o suspeito do crime. O delegado capixaba Fabrício Lucindo disse que a campanha auxiliou no andamento das investigações.

Ainda segundo informações da polícia capixaba, o suspeito Leonardo Possato Bento possui passagem pela polícia por crime de roubo. Leonardo já havia sido preso por assalto à mão armada contra clientes de um motel em 2007 na cidade de Linhares, quando ele tinha apenas 18 anos. Na época ele foi preso em flagrante delito e ficou seis meses recolhido na sede do DPJ – Departamento de Polícia Judiciária de Linhares.

A informação que o criminoso Leonardo Possato Bento, 23 anos, estava refugiado na cidade de Teixeira de Freitas ou numa suposta localidade da zona rural deste município, fez com que agentes da Polícia Judiciária do Espírito Santo munidos de um mandado de prisão preventiva e com auxilio de agentes da 8ª Coorpin, promovessem uma verdadeira caçada ao suspeito nesta quarta-feira (27) objetivando prendê-lo, o que acabou acontecendo de forma discreta.

Por: Átylla Borborema

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *